sábado, 20 de abril de 2019

Marvel: 1602


A história se passa no ano de 1602, e existe um mistério onde catástrofes estão ocorrendo por toda a Europa. Sir Stephen Strange, Médico (e Mago) da Rainha Elisabeth, sente que forças não naturais estão agindo, o que o leva a unir forças com Sir Nicholas Fury, responsável pela Inteligência Britânica, Peter Parquagh, seu assistente, o menestrel Matthew (Murdock), Carlos Javier e seus pupilos "sanguebruxos" e os Quatro Fantásticos. 
O que Sir Sephen Strange sente, na verdade é uma anomalia temporal que está fragmentando o universo, parecendo ser algo ligado a Virgina Dare que possui estranhos poderes de morfismo e seu grande e forte protetor, Rojhaz, um misterioso nativo americano. Os poderes de Virginia a fazem ser suspeita de ser a responsavel pela anomalia. Ao mesmo tempo, um grupo está a procura de um lendário tesouro dos Templários, guardado e transportado pelo idoso Donal e que dizem ser uma arma com poderes ilimitados. Desejada pelo poderoso Conde Otto Von Doom, da Latvéria, que acaba arquitetando uma trama contra a Rainha da Inglaterra para tomar posse de tal arma. 

Minissérie em 8 partes escrita pelo mestre Neil Gaiman (Sandman) e ilustrada por Andy Kubert e Richard Isanove (Origem: Wolverine), "1602" é uma trama com algumas grandes reviravoltas e surpresas, que acabou se tornando um pequeno universo nas histórias da Marvel. Vale bastante a leitura! 
E como "Bônus", a continuação (em 5 partes): "1602: Novo Mundo"
Boa leitura!


Para melhor visualizar as HQ's, o Universo Degenerado Recomenda o programa CDisplay.

quarta-feira, 13 de março de 2019

SURFISTA PRATEADO - Parábola

"Parábola" é uma fantástica obra que trata de temas bastante atuais como fanatismo religioso, a eterna busca por um líder e a defesa da liberdade. 
Uma noite, uma gigantesca  nave aterriza causando pânico generalizado entre as pessoas. A descoberta de vida inteligente fora da Terra leva o caos à civilização pois a humanidade não estava preparada para um contato com seres mais avançados tecnologicamente. E surge então, Galactus, que se coloca como um deus e promete uma nova era, mas pra isso os humanos teriam que adora-lo como um deus.

Quando Galactus estabeleceu sua presença no planeta, a histeria religiosa foi instaurada e surge uma nova religião. As frageis estruturas sociais, espirituais e políticas fizeram com que os humanos ficassem aterrorizados. Desta forma sua fome, depois disso poderia ser saciada. Mas o 
Surfista Prateado e outros personagens questionam o perigo de crer cegamente em qualquer um que seja considerado uma divindade e tenta despertar a humanidade para o fato de que não podem se submeter aos devaneios de ninguém.
Esta é uma verdadeira obra de arte, com roteiro do eterno Mestre Stan Lee e desenhos do grande 
Jean “Moebius” Giraud! Uma das melhores HQ's já feitas até hoje!
Leitura obrigatória! 
[DOWNLOAD]
Para melhor visualizar a HQ, o Universo Degenerado recomenda o programa
CDisplay.

terça-feira, 11 de dezembro de 2018

AQUAMAN: As Profundezas

Esse encadernado, lançado em 2015, reune as seis primeiras edições de Aquaman (Novos 52 - 2011), o grande Geoff Johns no roteiro e com a fantástica arte dos brasileiros Ivan Reis e Joe Prado!

Arthur Curry, Aquaman, vivendo na superficie, sendo desprezado e desrespeitado por varios humanos, vive pacíficamente com Mera, no farol de seu pai. Quando são surpreendidos com um chamado de um policial que pedia ajuda sobre um massacre acontecido em em Beachrock, uma cidadezinha da costa que fica próxima ao farol. E então, somos apresentados a uma nova ameaça, criaturas monstruosas, desconhecidas até mesmo por Aquaman e Mera, vinda das profundezas do Atlantico, um lugar conhecido como Fossa. As criaturas começaram a matar e abduzir humanos após atacarem um barco pesqueiro e o porto da cidade, Aquaman e Mera partem rumo à desconhecida e profunda Fossa, onde descobrem segredos sobre o passado de Atlântida e seu povo. E Aquaman precisa fazer uma escolha sobre a sobrevivência de uma das espécies, as criaturas ou nós. 

Um excelente arco, um dos melhores títulos dos Novos 52 (na verdade, uma das pouquíssimas coisas boas dessa fase da DC) que nos mostra uma história sombria e direta, que te prende o tempo todo e termina com um mistério que nos faz querer continuar lendo cada vez mais. Sem contar a ja citada, fantástica arte dos brasileiros Ivan Reis e Joe Prado, que fazem um trabalho primoroso nas HQ's do Aquaman!
[Este post será atualizado ainda esta semana, com o segundo encadernado, chamado "Aquaman: Os Outros"! Fiquem ligados!]

Vale ressaltar, que esse encadernado é bem dificil de encontrar, pois esgotou em todos os lugares pouco tempo depois que foi lançado e atualemente é raro (e caro) encontrar algum. 
É item de colecionador! E vale muito a pena conferir! 
Edições de 1 a 6

Para visualizar as HQ's, o Universo Degenerado recomenda o programa CDisplay

quarta-feira, 17 de outubro de 2018

ORIGEM (Wolverine)

A história começa no final do Século XIX, em Alberta, no Canadá. Rose, uma jovem orfã que chega à mansão dos Howlett, é acolhida por John Howlett, chefe da familia, para trabalhar como tutora e servir de companhia para seu único filho e herdeiro, James. John queria amenizar carga de tragédias ocorridas em sua vida marcada pela morte de seu primeiro filho, o que causou a insanidade de sua esposa e repúdio de seu pai, o patriarca da família. Até então a única criança por perto era Cão, filho do capataz da fazenda, um violento e rancoroso homem chamado Thomas Logan.

Com o passar dos anos Rose, James e Cão tornam-se grandes amigos, compartilhando alegrias da infância. Mas na medida em que a adolecência se aproxima, problemas começam a surgir e acabam desencadeando uma série de eventos que ja eram de se esperar desde o início.


Uma história surpreendente que mostra a verdadeira origem de Wolverine desde a sua infância até a descoberta de sua incrivel mutação. Imperdivel para quem ainda nao conhece e essencial para quem é fã do personagem! 
Mini-série completa em 6 capítulos divididos em 3 partes.

DOWNLOAD:
PARTE 1 - O DESPERTAR DA FERA
PARTE 2 - CÉU E INFERNO
PARTE 3 - REVELAÇÕES


Camisetas personalizadas com estampa artesanal: HANDMADE NERD!
Instagram: @handmade.nerd

quarta-feira, 11 de julho de 2018

HOMEM-FORMIGA E A VESPA - Resenha!

Por: Ricardo Pagliaro Thomaz - A Ciência da Opinião

Eu sabia que seria divertido, mas não sabia que seria assim tão divertido! Olá a todos, e vamos novamente de Marvel, falando do novo filme do MCU, Ant-Man And The Wasp. Olhem, eu tinha altas expectativas para o segundo filme do Deadpool, porém, o novo filme do Homem-Formiga é que fica sendo o filme mais divertido e engraçado de quadrinhos em 2018... ao lado deste aqui do Batman que saiu no começo deste ano, é claro!

O filme faz alusão aos eventos que aconteceram em Captain America: Civil War, quando Scott lutou na grande batalha envolvendo Steve Rogers, Tony Stark e suas trupes... e foi preso no processo. Caramba, foi a tanto tempo! Foi o início da terceira fase do MCU, de volta em 2016! Enfim, desde esta aventura, Scott tem usado tornozeleira eletrônica e ficado em prisão domiciliar! Olha, já pode se considerar um político brasileiro! E ainda disseram que o FBI o liberaria depois de dois anos de pena! Já pode se considerar um petista! TÔ BRINCANDO! Apesar das semelhanças, o Scott não é bandido! Mas não deixa de ser malandrão, mesmo que pelas razões certas.



Enfim, ele acaba trapaceando os agentes do FBI e usando uma formiga mutante gigante que faz a mesma rotina dele em casa para dar uma escapadinha e cumprir uma missão junto de sua parceira Hope, que é novamente interpretada pela atriz Evangeline Lilly, a eterna Kate Austen de Lost. Aqui, Hope retorna como a heroína Vespa, parceira do Scott nas missões, ganhando atributos que o Scott não tinha... muitos atributos! Asas, lasers, e... hehehe, bem, um detalhe na roupa que foi bastante comentado na Internet... só olha a figura ao lado! Duvido que tenha sido sem querer! Sério, duvido mesmo!

Mas como eu não estou aqui para medir tamanhos de detalhes na roupa, vamos dizer apenas que a Vespa também tem um drama na história, relativo a sua mãe, Janet, e pai, Hank Pym, os primeiros Homem-Formiga e Vespa. A mãe de Hope, aqui interpretada pela eterna Mulher-Gato, Michelle Pfeiffer está sensacional também. O problema é que no início da história, ela salva todos aceitando ficar num estado de encolhimento quântico que diziam ser impossível de reverter. Assim, a mãe dela é dada como morta e isso dura anos, até que Hank começa a achar que sua esposa pode estar viva de novo.

Paralelo a isso, há uma vilã na história, Ava, também conhecida como Ghost, porque ela tem a habilidade de se desmaterializar, atravessando paredes e evitando golpes diretos. Como ela quer voltar a seu estado original, ela se alia a um ex-colega de Hank, Dr. Bill Foster, interpretado pelo eterno Morpheus de The Matrix, Laurence Fishburne.

Achei esquisito essa contratação: se Fishburne está fazendo o Perry White nos filmes da DC, pode ele atuar também como um personagem na Marvel Studios, mesmo que menor?

Enfim, todos se encontram e rola essa trama bacana do Scott ajudar a Hope a resgatar a mãe dela, enquanto eles combatem essa ameaça da mulher-fantasma. Está pronto o cenário para todo tipo de situação cômica que você puder pensar com esses personagens.

Uma das mais engraçadas é quando o Scott aumenta de tamanho porque o traje dele está com defeito. Isso dá vazão pra ele bancar o gigantão no meio da cidade. É hilário, especialmente quando ele tenta recuperar o quartel general encolhido das mãos do outro vilaozão, o Sonny. Tem também a invasão à escola do Scott, aí ele reduz de tamanho e fica parecendo um moleque de 6 anos; o gozado é quando ele chega na van e o Hank tira uma casquinha dele: "oi bolachinha, como foi a escola hoje?" Eu não me aguentava de rir! Tem também as cenas hilárias do Michael Peña, fazendo novamente o Luis, aquele cara meio doidão que começa a contar aqui como conheceu o Scott, sob o efeito de um soro da verdade (que não é soro da verdade segundo o capanga vesgão estilo Bond-villain). É muito hilário! O lance da bruxa Baba Yaga também foi insanamente cômico! É aquele humor exageradão da Marvel, mas as piadas aqui são bem colocadas, e a coisa é pra se parecer com uma comédia mesmo, ainda mais pelo personagem em questão.

Ou seja, o que você tem no fim das contas é mais uma comédia de super-herói com o selo Marvel de qualidade. Mas desta vez uma boa de verdade, que causa risadas fáceis. Peyton Reed, diretor do primeiro filme acerta de novo e faz uma sequência bem divertida. Eu já havia gostado muito do primeiro filme do Homem-Formiga, este aqui então aproveitou que os personagens já foram devidamente apresentados para brincar com várias possibilidades! A cena do Stan Lee no filme também é bem engraçada, não a mais célebre de suas aparições, mas bem legal, vale a pena.

E se você, assim como eu, assistiu Avengers: Infinity War e estava esperando aquela referência do estrago que o Thanos fez no filme dos Vingadores, aguarde a cena entre-créditos, porque alguns personagens não vão se sentir muito bem até lá! O Scott não participou do filme dos Vingadores, e não foi a toa, eu creio que ele terá um papel pivotal na reconstrução deste universo da Marvel na segunda parte. Aguardem! Não percam também a piada final após os créditos acabarem!

Em linhas gerais, mais um grande... digo... pequeno... ou seria "pequeno grande"?... ah, não importa... mais um filme divertidíssimo da Marvel e que vale muito a pena conferir! Toda aquela graça que a gente estava esperando em Deadpool 2 está aqui. Talvez esta tenha sido a única coisa que eu estranhei. De resto, compre pipoca grande, refri, sente na cadeira e cuidado para não engasgar entre as risadas! Divirtam-se!

Ah sim, ia me esquecendo: a formiga do primeiro filme teve uma função de grande... ou pequena... ou gran... enfim, teve uma função importante aqui! Sim, sim, aquela formiga que eu mencionei na resenha do primeiro filme! Já viu uma formiga tocando bateria? Pois é, tem isso aqui! Espere só pra ver!

Ant-Man And The Wasp (2018)
Produção: Stephen Broussard, Kevin Feige, Stan Lee, Mitchell Bell, Louis D'Esposito, Lars P. Winther, Victoria Alonso
Roteiro: Chris McKenna, Erik Sommers, Paul Rudd, Andrew Barrer, Gabriel Ferrari (baseado em personagens e histórias criados por Stan Lee, Larry Lieber e Jack Kirby)
Trilha sonora: Christophe Beck

quinta-feira, 5 de julho de 2018

X-MEN: Deus Ama, o Homem Mata

Uma fabulosa Grafic Novel lançada em 1982, aborda um tema um tanto quanto sério em relação às outras HQ's regulares dos X-Men, e mostra como o poder da palavra pode manipular e influenciar muita gente. William Striker, um pastor evangélico que prega em seu programa de TV o extermínio dos mutantes pois na sua visão eles não seriam criaturas de Deus, como os humanos. Striker lidera secretamente um grupo de pessoas chamados de Purificadores, que tem a missão de eliminar todos os mutantes do país. Depois de um debate sobre a questão mutante com o Professor Xavier, no seu programa transmitido pela TV, Striker consegue capturar os líderes da equipe dos X-Men e resta aos membros remanescentes com a ajuda de Magneto impedirem os planos do fanático religioso. 
"Deus Ama, o Homem Mata" apesar de ser uma história antiga, ao mesmo tempo é bastante atual no que se refere a questões e imposições religiosas e tambem à luta contra os preconceitos e ao ódio pelas pessoas por serem diferentes.
Leitura indispensável! 
Para melhor visualizar a HQ, o Universo Degenerado recomenda o programa CDisplay.

terça-feira, 3 de julho de 2018

SUPERMAN: Entre a Foice e o Martelo

Mais uma grande história que se passa em uma realidade alternativa, uma das chamadas "Else Worlds" da DC, que foi publicada em 2003 com o nome original "Superman Red Son". 

Aqui temos a nave Kryptoniana trazendo Kal-El à Terra, caindo em uma fazenda coletiva na União Soviética. Tem muito da nossa realidade na hisória, mas começa a ficar bem diferente à medida em que a União Soviética revela a sua nova "arma", o Super-Homem, fazendo com que a corrida armamentista nuclear da Guerra Fria se torne uma corrida armamentista de super-seres.

Escrita pelo grande Mark Millar, "Superman: Entre a Foice e o Martelo" traz uma trama espetacular e é considerada por muitos uma das melhores histórias do Homem de Aço. Leitura obrigatória para quem gosta de quadrinhos.

Para melhor visualizar a HQ, o Universo Degenerado recomenda o programa CDisplay.